Com Apoio

Centro Escritorios

Rudolf Steiner (1861 - 1925)

Rudolf Steiner


Rudolf Steiner foi um filósofo que nasceu dentro das fronteiras do antigo Império Austro-Húngaro, em 1861. No âmbito da multiplicidade de áreas com que a filosofia se ocupa, dedicou-se centralmente à 'Teoria do Conhecimento', uma área que na sua época ocupava intensamente os filósofos europeus e também os cientistas, em função do valor que tinham, em termos de conhecimentos objectivos e os desenvolvimentos que estavam a acontecer, principalmente na campo da física.

Para Rudolf Steiner e outros pensadores da sua época era um conflito ver como a 'Teoria do Conhecimento' se identificava com uma imagem científica do mundo, quando esta, por sua vez, se identificava com a imagem que a física fazia do mundo. Mas acaso essa imagem é válida para a biologia? Essa pergunta levou Steiner a procurar directamente as personalidades que sobressaíam no campo da pesquisa em biologia, tentando encontrar aí os elementos que o levassem a reconhecer, ou não, uma especialização na Teoria do Conhecimento, quando esta era aplicada aos fenómenos dos organismos vivos.

Rudolf Steiner reconheceu essa diferenciação na metodologia proposta pela Teoria do Conhecimento na forma como o poeta alemão Johann Wolfgang von Goethe fazia as suas pesquisas no campo da botánica e da zoologia. A sua primeira tarefa foi publicar a Obra Científica de Goethe, o que ninguém tinha feito até então. Foi ordenando e publicando essa obra em que Rudolf Steiner desenvolveu os primeiros conceitos de uma metodologia específica na Teoria do Conhecimento para se entenderem os organismos vivos. A partir desses trabalhos metodológicos iniciais, durante o século XX, diversas personalidades do mundo científico tentaram aplicar essa metodologia na prática da pesquisa científica, o que levou a um desenvolvimento extraordinário em determinadas áreas da biologia e, consequentemente, à aplicação desses métodos, dentro do possível, também na medicina.